Wednesday, 16 November 2022 21:25

Secretaria de Meio Ambiente investiga causa da morte de peixes em córrego de Sorriso (MT)

Rate this item
(0 votes)
Sema investiga a morte de peixes no córrego Gonçalves, em Sorriso (MT) - Primeiras constatações descartaram a presença de agrotóxicos no córrego. Sema investiga a morte de peixes no córrego Gonçalves, em Sorriso (MT) - Primeiras constatações descartaram a presença de agrotóxicos no córrego. Foto: Alexandre Perassoli

A Secretaria de Meio Ambiente (Sema) está investigando a causa da morte de peixes no córrego Gonçalves, às margens da BR-163, em Sorriso, a 420 km de Cuiabá. A suspeita é que a morte de árvores e plantas no local tenham causado a mortandade dos peixes.

Os peixes foram encontrados em avançado estado de decomposição. O secretário de Meio Ambiente, Marcelo Lincoln disse que já foi constatado que não houve presença de agrotóxicos.

"Observamos um represamento naquele córrego por causa de um asfalto que passou ali e uma parte daquela área ficou represada. Com isso, teve a mortandade das árvores, que consomem mais oxigênio e, consequentemente, faltou o oxigênio para o peixe", disse.

Os órgãos municipais investigam se a morte dos peixes têm alguma ligação com os loteamentos que estão em construção próximo ao local. O secretário explica que sobre os loteamentos, é feito um estudo de impactos ambientais que precisa ser autorizado pela Sema.

"Quando faz os loteamentos, é feito um estudo de impacto ambiental e ele tem que estar bem substanciado para fazer qualquer liberação", disse.

O córrego Gonçalves forma o lago do Bairro Rota do Sol e deságua no Rio Teles Pires. Segundo o secretário, os peixes mortos serão retirados para evitar algo mais prejudicial.

Read 29 times

Leave a comment